Os preços das acções dos produtores de canábis vão descer

19 Dez 2018

Os preços das acções dos produtores de canábis vão descer

Um grande aumento de preço afectou as acções dos produtores de canábis, na sequência da legalização da canábis, para fins recreativos, no Canadá, mas estas estabeleceram-se um pouco agora. Acções na produtora Canadiana de canábis, Tilray, Inc. dispararam em 50% de forma extremamente rápida, atingindo um preço 600% superior ao seu nível IPO.

O período relativamente estável para as acções, que estamos actualmente a atravessar, vem depois de o mercado ter feito uma pirueta de curta duração, após este mais recente período de crescimento sem paralelo. Em geral, podemos dizer que este sector está agora a parecer bastante estável, apesar da volatilidade a que tem assistido ultimamente. Em consequência, muitos especialistas compararam as acções dos produtores de canábis ao Bitcoin. Numa situação não muito diferente à dos investidores de criptomoedas, os accionistas dessas empresas tiveram grandes retornos — mas depois os preços caíram drasticamente. Alguns investidores previram que este mercado vai passar por uma bolha como a que vimos no caso das criptomoedas.

No entanto, existem algumas características básicas do mercado da canábis, o que significa que o mesmo continua a ser atraente para os investidores. Para uns, as acções nas empresas que operam neste sector são suportadas por um produto tangível. Além disso, o mercado é suficientemente grande. De acordo com as previsões, o volume global total do consumo legal de canábis atingirá os $32 biliões até 2022. A extensão actual deste mercado estima-se em $7.7 biliões. Passando à frente, o crescente interesse dos produtores mundiais de bebidas alcoólicas e não alcoólicas (incluindo Coca-Cola) poderão ajudar a fazer flutuar as acções dos produtores de canábis, a longo prazo.

As acções das duas maiores e mais estáveis empresas do sector, a Canopy Growth e a Aurora Cannabis, parecem manter-se mais atractivas para os investidores, até ao final do ano. O preço das acções da Canopy Growth sofreu um aumento devido a um acordo que verá o produtor de Corona, a Constellation Brands, a investir $3.8 biliões, na empresa da canábis. Entretanto, a Aurora Cannabis colaborará com a Coca-Cola para ajudar a gigante da sosa a produzir bebidas derivadas de canábis.

As acções da Tilray também estão a parecer muito atractivas para os investidores, após a empresa ter recebido a aprovação da lei, para exportar um grande volume dos seus produtos para a Alemanha.

Outras empresas tais como Aphria Inc. e Cronos Group parecem ligeiramente menos atractivas, apesar de as suas acções não parecerem piores do que o resto das acções da indústria.

Para trás