Skip to main content
How can I use options CFDs for speculation and hedging?
How can I use options CFDs for speculation and hedging?

Como posso usar CFDs de opções para especulação e cobertura?

A sua capacidade de utilizar o potencial lucro que os CFDs de opções oferecem só serve se compreender como usá-los corretamente. É por isso que nosso próximo passo será explorar uma série de opções de estratégias CFD e os cenários apropriados para cada uma delas.

Especulação

A especulação é uma estratégia perfeitamente legítima que visa um ganho significativo e rápido enquanto que implica correr um risco maior. Normalmente, esta abordagem será diferente da de um investidor a longo prazo, e os CFDs de opções poderão ser uma ferramenta útil no arsenal de um especulador.

Estratégias especulativas com CFDs de opções

Call Longo = Compra de CFDs de opção Call

Poderá usar esta estratégia se estiver otimista ou se pensar que um determinado índice ou mercadoria subjacente subirá. Além isto, permite-lhe aumentar a volatilidade da sua posição versus a oferecida pelo instrumento subjacente e permite aumentar o seu lucro potencial se os preços moverem a seu favor.

Exemplo

Se o S&P 500 estiver a ser negociado a $3.000 mas acredita que será negociado a um preço mais elevado antes da data de vencimento da opção, pode negociar esta visão ao comprar um CFD da opção Call. (Note: Poderá replicar essa estratégia ao vender/encurtar o CFD da opção Put sobre o mesmo instrumento).

Long call

Risco/Recompensa: neste caso, o seu potencial ganho com um call longo seria ilimitado e muito maior do que se tivesse investido no índice S&P 500 em si. Mas o seu risco de perda está limitado àquilo que pagou pelo CFD, uma vez que o mesmo não poderá cair abaixo de 0, mesmo que o preço S&P 500 fique abaixo do preço de exercício do CFD da opção Call aquando do seu vencimento.

Nota: Poderá replicar essa estratégia ao vender/encurtar um CFD de opção Put sobre o mesmo ativo subjacente. Mas neste caso o seu ganho seria limitado, uma vez que o valor do Put não poderá cair abaixo de 0 (se o preço do valor subjacente subir). Inversamente, o seu risco de perda seria substancial porque o CFD da opção Put poderá subir em termos de preço várias vezes (se o preço dos ativos subjacentes cair significativamente abaixo do preço de exercício). Assim, perderia dinheiro na sua posição curta.

Long Put = Compra de CFDs de opção Put

Esta estratégia é usada quando está pessimista ou pensa que o preço do ativo vai cair. Adicionalmente, permite a alavancagem da sua posição de forma efetiva, uma vez que a mudança de valor da opção é geralmente maior do que a mudança de valor do ativo subjacente.

Exemplo

Continuando com o nosso exemplo, se o S&P 500 estiver atualmente a negociar a $3.000 e acreditar que o mesmo vai ser negociado a um preço mais baixo antes da data de vencimento da opção, pode negociar esta visão ao comprar um CFD da opção Put. (Nota: Poderá replicar essa estratégia ao vender/encurtar o CFD da opção Call sobre o mesmo instrumento).

Long put

Risco/Recompensa: ao comprar CFDs de opção Put, o seu potencial ganho é ilimitado e muito superior do que se tivesse encurtado o índice S&P 500 em si. Mas mais uma vez, o seu risco de perda está limitado porque o valor do CFD opção Put não poderá cair abaixo de 0, mesmo que o preço S&P 500 fique acima do preço de exercício do CFD da opção Put aquando do seu vencimento.

Note: Poderá replicar essa estratégia ao vender/encurtar o CFD da opção Call sobre o mesmo instrumento. No entanto, à semelhança da venda de um Put, o seu ganho está limitado porque o valor do Call não poderá cair abaixo de 0 (se o preço do ativo subjacente cair). Por outro lado, o seu risco de perda seria substancial porque o CFD da opção Call poderá subir em termos de preço várias vezes (se o preço do ativo subjacente disparar significativamente acima do preço de exercício). Assim, perderia dinheiro na sua posição curta. 

Straddle = Compra de um CFD de opção Call e um de Put com o mesmo preço de exercício e o mesmo expirar

Poderá usar esta estratégia se estiver à espera de um aumento repentino da volatilidade de um ativo, mas sem saber em que direção os preços se vão mover. Esta estratégia é frequentemente usada à volta dos ganhos das empresas, quando é possível que ocorra uma mudança súbita e significativa do preço.

Exemplo

Pegando no S&P 500 como exemplo mais uma vez, digamos que está a chegar uma eleição presidencial ou a Fed dos EUA está a anunciar a sua decisão sobre as taxas de juro. Como trader, não sabe qual será o resultado exato, mas espera que o preço do S&P 500 vá aumentar ou descer substancialmente. Neste caso, compra simultaneamente um CFD de opção Call e um de Put com o mesmo preço de exercício e data de vencimento no S&P 500.

Long straddle

Risco/Recompensa: Vamos supor que, após o anúncio, o mercado reage positivamente e os preços disparam. Incorrerá numa pequena perda sobre o CFD de opção Put igual ao seu preço e obterá um enorme ganho no valor do CFD de opção Call. Inversamente, se os preços caírem, o seu ganho advirá de um aumento significativo no valor do CFD de opção Put e incorrerá numa pequena perda sobre aquilo que pagou pelo CFD de opção Call. Finalmente, se os mercados não responderem e o preço dos ativos subjacentes não mudar, ambos os CFDs de opções perderão gradualmente valor à medida que o seu vencimento se aproxima.

Cobertura

A cobertura é uma tentativa de proteger a sua carteira ou um investimento específico contra alterações adversas de preços e, assim, evitar perdas. Um dos propósitos originais das opções é atingir este objetivo de forma razoável, barata e eficaz.

Estratégias de cobertura com CFDs de opções

Vamos supor que obteve um lucro num investimento no índice S&P 500. Imagine que quer ir de férias prolongadas e não quer seguir os mercados ou negociar durante este tempo, mas também não quer vender o seu investimento. Neste caso, pode manter as suas participações no índice S&P 500 e, adicionalmente, comprar alguns CFDs de opção Put sobre o mesmo ativo subjacente.

Se o S&P 500 subir, vai obter lucro sobre o índice que possui e uma perda nos CFDs de opção Put, mantendo alguma estabilidade no valor global das suas participações. Inversamente, se o S&P 500 cair, as suas perdas sobre o índice serão compensadas pelos ganhos no preço do CFD de opção Put. Finalmente, se o S&P 500 se mantiver estável, o valor do CFD opção Put também não mudará muito e as suas participações permanecerão relativamente estáveis. 

Uma palavra sobre a alavancagem

Como certamente entendeu até agora, os CFDs de opções são mais voláteis do que os seus ativos subjacentes, o que lhe oferece mais potencial de lucro e perda. Na verdade, numa perspetiva, os CFDs de opções podem ser vistas como assumindo posições alavancadas nos ativos subjacentes. Consequentemente, deverá ter cuidado ao usar a alavancagem com CFDs de opções. É por isso que limitámos a alavancagem para as opções de negociação na Libertex em 5, e recomendamos que considere o risco que está disposto a assumir com cuidado antes de abrir posições alavancadas.

Agora que sabe o básico sobre as opções e sobre os CFDs de opções, o porquê de querer usá-los e as estratégias que pode utilizar, está pronto para efetuar as suas primeiras operações práticas.

Explore options CFDs

Para trás